fbpx
IMG-20201111-WA0010

Merlin, WIN, UBC, British Council e Plataformas Digitais confirmam presença no Rio Music Market 2020

O Rio Music Market 2020 reunirá, entre 8 e 10 de dezembro, profissionais de diversos países para falar sobre a indústria da música no mundo. A Associação Brasileira da Música Independente (ABMI), organizadora da conferência, acaba de confirmar painéis com palestrantes de grandes empresas e instituições do setor como Merlin, UBC, WIN, Music Rio Academy e diversas plataformas digitais. A 8ª edição do evento será inteiramente online, transmitida pela plataforma Whova a partir do Vivo Rio. As vendas de ingressos, com valor promocional, já estão abertas no site Eventbrite.

Um dos destaques da programação é o CEO da Merlin, Jeremy Sirota, que pretende compartilhar com o público as últimas conquistas da instituição, uma agência global de direitos digitais para selos independentes. Peter Strauss, Gerente de Relações Internacionais da UBC, vai falar sobre a importância cada vez maior dos identificadores na cadeia dos royalties musicais. Pela WIN, o COO Charlie Phillips explicará as funcionalidades do RDx, sistema de gestão de dados para direitos conexos fonomecânicos que se propõe a simplificar o uso destes direitos pelas entidades de gestão coletiva. Os painéis terão tradução simultânea Português-Inglês e Inglês-Português.

“Além de adaptar o Rio Music Market para o formato digital, nós nos empenhamos em estruturar uma programação rica, diversificada, com grandes nomes do mercado e temas relevantes. Serão três dias de imersão, troca e aprendizado para pensarmos sobre o universo música.”, afirma Carlos Mills, Presidente da ABMI.

Os resultados completos da Pesquisa de Mercado da Música Independente Brasileira (ABMI) também serão apresentados durante a programação do RMK. A instituição realizou um mapeamento do setor, trazendo números e análises qualitativas que indicam tendências para os profissionais da área.

Outras atrações desta edição são entrevistas com consultor estratégico Charles Caldas e com o CEO da Onimusic, Nelson Tristão Junior. O evento também trará um bate-papo sobre as histórias da indústria fonográfica brasileira, mediado pelo jornalista Antonio Carlos Miguel e com a participação de Paulo Rosa, Presidente da Pro-Música; Wilson Souto Jr., Vice-presidente da ABMI; Laércio Costa Reis; produtor cultural da 78 Rotações, Carlos Alberto Sion, produtor musical e Antônio Adolfo, artista e produtor independente. Anita Carvalho, Coordenadora da Music Rio Academy, será mediadora do painel sobre os desafios do empresariamento artístico, que contará com a participação de Paula Lavigne, empresária musical; Béco Dranoff, CCO, Béco Dranoff Projetos; Simon Fuller; Sócio-Diretor da Kappamakki; Tom Gil, empresário e o músico e o empresário Evandro Fiótii. Veja aqui a programação completa.

Os showcases que acontecem à noite serão abertos ao público e terão apresentações de até 30 minutos de novos artistas da cena independente.  Os shows serão transmitidos da varanda do Vivo Rio nos dias 08 e 09 de dezembro, a partir das 19:00 horas. Haverá também apresentações de artistas internacionais.

O Rio Music Market (RMK) é realizado anualmente, tem como foco o B2B (business to business) e atrai em média 500 profissionais/dia. O passaporte para os três dias de evento custa R$180,00; a partir de 23 de novembro inicia-se o último lote com o valor de R$ 270.

COMPARTILHE

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no print
Compartilhar no email

Deixe um comentário

NEWSLETTER

Cadastre-se e receba nossas notícias